Disputa nos contratos milionários: Chelsea versus Manchester City


Chelsea e Manchester City são os mais gastadores da Liga Inglesa, mas qual deles irá figurar no topo da lista este verão? Ambos já fizeram compras avultadas, com o Chelsea a assegurar Andre Schurrle e Marko van Ginkel por cerca de €29M e o City a desembolsar mais de €52M por Fernandinho e Jesus Navas. Se juntarmos a saída de Carlos Tevez para a Juventus, levando o City a procurar um avançado... assim como a tradição que Roman Abramovich tem em esvaziar bolsos bem profundos, temos um verão escaldante em perspectiva.

Chelsea

Entradas  - Marco van Ginkel (€10,4M), Andre Schurrle (€19,75M).

Alvos – Edinson Cavani (Napoli), Wayne Rooney (Manchester United), John Ruddy (Norwich), Kurt Zouma (St Etienne), Eliaquim Mangala (Porto), Christian Benteke (Aston Villa).

Saídas – Paulo Ferreira (retirou-se), Marko Marin (Sevilla, empréstimo), Ross Turnbull, Hilário, Yossi Benayoun, Florent Malouda (livres de contrato).

A caminho? – Fernando Torres, Oriel Romeu, Demba Ba.

O Chelsea ainda está a aquecer no mercado de transferências de verão. A julgar pelo padrão dos últimos anos, assegurar Schurrle e van Ginkel não se compara aos feitos de anteriores épocas de transferência pelo que se esperam mais chegadas a Stamford Bridge antes do final do verão. Edinson Cavani parecia ter rumo traçado a Londres mas a entrada em cena do Paris Saint-Germain alterou este cenário. Com Wayne Rooney cada vez mais perto de permanecer no Manchester United, é provável que os Blues iniciem a época com a mesma linha de avançados que terminou a época transata - Demba Ba e Fernando Torres.

Uma das posições menos boas do Chelsea tem sido a baliza, com os substitutos Ross Turnbull e Hilário a serem libertos de contrato. Thibaut Courtois deverá regressar ao Atlético de Madrid num empréstimo com validade de uma época, perfilando-se John Ruddy como o principal candidato a ingressar em Stamford Bridge.

Para além da baliza, urgia reforçar o plantel com um médio e um avançado. Apesar de já estarem asseguradas estas posições não está excluída a hipótese de compra por impulso, com Christian Benteke a liderar a lista de candidatos.

Manchester City

Entradas – Fernandinho (€34,8M), Jesus Navas (€17,4M)

SaídasCarlos Tevez (Juventus, €11,3M), Kolo Toure (Liverpool, sem custo), Wayne Bridge (Reading, sem custo), Roque Santa Cruz (fim de contrato)

Alvos – Fábio Coentrão (Real Madrid), Diego Godin (Atletico Madrid), Álvaro Negredo (Sevilla), Stevan Jovetic (Fiorentina)

Podem sair - Gareth Barry, Aleksander Kolarov, James Milner, Edin Dzeko, Samir Nasri, Scott Sinclair

Esta época o City antecipou-se e conduziu a maioria das contratações no começo da época de transferências, por via do fracasso do ano passado em atrair jogadores para o seu plantel vencedor. Fernandinho e Jesus Navas são contratações sólidas mas com a saída de Carlos Tevez para a Juventus e alguns jogadores em risco de saída, cabe a Manuel Pellegrini equilibrar o plantel até ao fecho da época de transferências.

É certo que virá um avançado para render Tevez. Têm sido sondados Luis Suarez, Robert Lewandowski ou Mario Gomez. Mas nada se sabe ao certo sobre quem ingressará no plantel. Tevez marcou 58 golos em 107 jogos ao serviço do City. Poderá complicado marcar tantos golos sem o talismã controverso da equipa de Manchester.

Apesar de muito se falar do ingresso do extremo esquerdo Fábio Coentrão, a princípal contratação será certamente a de um ponta-de-lança. Com Cavani a caminho de Londres ou de Paris, o suspense quanto à contratação do City mantém-se. Afigura-se como mais provável o marcador do Sevilha, Álvaro Negredo, mas o clube mantém abertas as possibilidades de Pablo Osvaldo (Roma) ou de Stevan Jovetic (Fiorentina) preencherem a vaga.


Aposte no mercado de transferências de verão 2013.