Mourinho e Ronaldo reencontram-se em Miami sob atmosfera pesada


Está a ser disputado nos EUA o Guiness International Champions Cup que reune várias equipas europeias de renome e uma americana. Mas o principal motivo de interesse está no embate entre duas equipas em particular. Estamos a falar do Chelsea e o Real Madrid, que asseguraram já a presença na final. Cristiano Ronaldo permanece no plantel dos Merengues, enquanto José Mourinho regressou aos Blues de Londres. E a relação entre eles ja viu melhores dias.

O verdadeiro Ronaldo

Em entrevista à ESPN, Mourinho falou da sua carreira e disse que treinara o verdadeiro Ronaldo, o internacional brasileiro, quando tinha 30 anos de idade e estava a começar a sua carreira como técnico adjunto de Bobby Robson. Estas declarações vêm na sequência dos desentendimento no balneário madrilista, levando Mourinho a afirmar publicamente que Ronaldo (o internacional português) achava que já não tinha nada a aprender. Ronaldo terá respondido à provocação dizendo que não se cospe no prato onde se comeu. Claramente, o ambiente entre estas duas figuras já viu melhores dias.

Duelo de egos?

Os dados parecem lançados para um jogo que, apesar de amigável, poderá ter uma importância acrescida para dois dos principais homens do futebol atual. As duas estrelas do futebol vão estar, assim, em competição directa por um troféu que de outra forma teria pouca relevância. Mas não nos podemos esquecer que temos duas fortes candidatas a dominar o futebol europeu em 2013/14. Dum lado, temos o vencedor da Liga Europa, de novo sob a batuta do Special One, e do outro lado temos um Real Madrid que quer mostrar que a época passada já lá vai e que sob o comando de Carlo Ancelotti estará apta a lutar por todos os títulos em disputa. Não faltam motivos para assistir a este jogo.

Este torneio, para além de Real Madrid e Chelsea, conta ainda com a presença dos LA Galaxy, do A.C. Milan, da Juventus, do Inter Milan, do Valencia, e do Everton.

Aposte neste tira-teimas entre dois dos principais candidatos a vencer a Liga dos Campeões com a Unibet.